top of page

COMENTÁRIOS DE ELEISON DCCCLXVI

S.E.R. Dom Richard Williamson 17 de fevereiro de 2024 CONSELHOS EMERGENCIAIS - I

Um leitor muito confuso com o que está acontecendo dentro da Igreja Católica envia uma

série de perguntas práticas que muitas almas católicas devem estar se perguntando hoje em relação ao sério dever de qualquer católico de ir à missa para cumprir sua obrigação dominical. Normalmente, as respostas são mais ou menos claras, mas as circunstâncias desde a revolução do Vaticano II na década de 1960 dentro da Igreja não são mais normais e, portanto, as respostas não são mais tão claras. Vamos listar as perguntas desse leitor em ordem, indo do geral para o particular, para responder com as respostas oferecidas por esses "Comentários, mas não impostos".


Até que ponto a Nova Igreja do Vaticano II é católica e até que ponto é falsa? Resposta: Só Deus sabe, porque só Ele conhece os segredos do coração dos homens, e a fronteira entre a Igreja verdadeira e a falsa muitas vezes passa pelo coração dos homens, por exemplo, se eles têm ou não a Fé Católica. Como somente Ele pode saber com certeza, não espera que saibamos. No entanto, Ele nos dá meios suficientes para saber o que precisamos saber, que é julgar pelos frutos (cf. Mt. VII, 15-20). Esses frutos distinguirão infalivelmente, por exemplo, entre os verdadeiros e os falsos pastores. A verdadeira alegria e a caridade revelarão onde a verdadeira Igreja ainda existe, mesmo dentro das estruturas da Nova Igreja.

Temos um papa?

Resposta: Se julgarmos o Papa Francisco por seus frutos, eles são desastrosos para a Igreja verdadeira, a ponto de muitos católicos sérios argumentarem que ele é um antipapa. Deus não exige que eu tenha certeza, de uma forma ou de outra. Os bons teólogos católicos podem discordar. A sabedoria do Arcebispo Lefebvre para seus sacerdotes era que eles poderiam ter sua própria opinião em particular, mas em público deveriam se comportar como se os papas aparentes do Vaticano II fossem papas verdadeiros, a menos e até que a evidência seja clara de que não são papas. Até mesmo o Papa Francisco ainda está cumprindo a função católica de fornecer à Igreja estrutural uma cabeça visível, permitindo que as estruturas da Igreja continuem funcionando até que Deus limpe os estábulos de Augean. Em Seu devido tempo, Deus colocará o papa de pé novamente. Enquanto isso, posso me desesperar com este ou aquele papa, mas não devo me desesperar com o papado ou com qualquer outra instituição da Tradição do próprio Nosso Senhor.

E quanto aos sacramentos da Nova Igreja?

Resposta: Assim como a Igreja Nova como um todo, da qual são produto e parte, eles ainda são parcialmente bons, mas essencialmente estão apodrecendo, como as maçãs podres com as quais podem ser comparados, porque a Igreja Nova foi inteligentemente planejada desde o início para apodrecer ao longo de dezenas de anos até que não restasse nada da Igreja verdadeira. Isso se deveu ao fato de que, na década de 1960, quando ocorreu o Concílio Vaticano II, muitos membros do alto escalão da Igreja haviam sido completamente infectados pelo pensamento da Maçonaria, a sociedade secreta criada em 1717 em Londres para se infiltrar na Igreja Católica até que ela pudesse ser destruída por dentro, permitindo assim que os inimigos conhecidos de Deus e do homem dominassem o mundo. A própria Igreja de Nosso Senhor é o grande obstáculo em seu caminho.

E quanto aos "milagres eucarísticos" que supostamente ocorrem nas "missas" do Novus Ordo? Resposta: Em todos os quase 2.000 anos de história da Igreja até agora, Deus sempre ajudou os cristãos, por meio desses milagres, a acreditar no estupendo milagre de Sua Presença sob as meras aparências do pão e do vinho, e esses milagres continuam até hoje, porque o Sagrado Coração não abandonará as ovelhas enganadas por seus pastores. A diferença é que hoje a ciência moderna está disponível para fornecer evidências verdadeiramente científicas para provar que os milagres, se forem genuínos, são genuínos. Veja, por exemplo, o livro "A Cardiologist examines Jesus" (Um cardiologista examina Jesus), do Dr. Franco Serafini, com explicações e ilustrações fotográficas de vários milagres recentes. Deus abençoe os tradicionalistas por se apegarem à missa latina tradicional, mas não por recusarem as evidências científicas fornecidas pelo Sagrado Coração para a salvação das almas.

E quanto a receber hóstias supostamente consagradas nas missas do Novus Ordo?

Resposta: talvez seja melhor evitá-las, porque elas podem ser inválidas e, com o tempo, podem se tornar cada vez mais inválidas. No entanto, em caso de necessidade,* você pode receber essas hóstias, pois elas também podem ser válidas.

Deus não nos pede o impossível para fazer, mas que deixemos para os outros a liberdade que desejamos para nós.


Kyrie eleison


Rádio Saletiana

A Tradição Católica em sua casa.



*Nota dos Saletianos: Os casos de necessidade esboçados por S.E.R. Dom Williamson, são aqueles casos em que há perigo extremo para a alma e o corpo caso a pessoa não receba os Sacramentos, e naquele momento nao tenha condições alguma de ter os Sacramentos por meio de um Sacerdote Tradicional. Nosso conselho para as pessoas que moram longe de onde há os Sacramentos certamente válidos, é que façam um esforço para irem morar mais próximo de onde exista a Santa Missa ou uma congregação Tradicional, para que não corram este risco, numa situação grave.




19 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comunicado aos fiéis

Comunicado S.E.R. Dom Tomás de Aquino a todos os fiéis, acerca da posição Conclavista e da visita do clero ligado a essa posição no Brasil.

Comentarios


bottom of page